Marinha e Raupp solicitam ao DNIT conclusão do asfalto na BR-429

 Marinha e Raupp solicitam ao DNIT conclusão do asfalto na BR-429

Porto Velho, RO - Marinha e Raupp solicitam ao DNIT conclusão do asfalto na BR-429 Nesta terça-feira (11), a deputada federal Marinha Raupp e o senador Valdir Raupp estiveram no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) para tratar sobre a conclusão do asfaltamento da BR-429

Pavimentação dos serviços remanescentes, principalmente em Alvorada do Oeste. Participaram da audiência o diretor Executivo do DNIT, Halpher Luiggi Mônico Rosa, juntamente com o diretor de Infraestrutura Rodoviária, Luiz Antônio Ehret Garcia e o superintendente do DNIT em Rondônia, Sérgio Mamanny.

“É preciso asfaltar alguns trechos da BR-429 e concluir os aterros de cabeceiras das pontes. Em Alvorada do Oeste muitas famílias que moram às margens da BR estão sofrendo demais com a poeira causada pela falta de conclusão de um trecho de apenas 1 km. Como estamos no período seco o problema se intensifica com a passagem de veículos. E este é o melhor período para realizar a obra. Por isso, viemos hoje solicitar ao DNIT a prioridade na conclusão do asfaltamento destes trechos na BR-429”, explicou a deputada.

Outro problema advindo da poeira é o aparecimento de doenças, que atingem principalmente as crianças e os idosos. No último sábado (08), o senador Valdir Raupp esteve no local conversando com as famílias e reafirmando o compromisso de buscar o término do asfaltamento. O diretor Executivo, Halpher Luiggi ressaltou que vai priorizar os recursos para conclusão do asfaltamento da BR-429.

A deputada Marinha, ainda no DNIT, informou sobre a reunião ao representante da comunidade, Daniel Duarte, que agradeceu o empenho dos parlamentares. “Nós confiamos no trabalho e na competência de vocês como nossos representantes e desde já agradecemos a dedicação em resolver esta situação.

” Infraestrutura – Na ocasião, o senador Raupp e a deputada Marinha pediram urgência na licitação das pontes Araras e Ribeirão, na BR-425; na construção do Porto de Guajará-Mirim; na conclusão da Ponte do Abunã; na licitação da Ponte Binacional em 2017, assegurada pela emenda de apropriação da Comissão de Viação e Transportes (CVT) por indicação da deputada; e a garantia de recursos para conclusão dos viadutos da capital.

Para a BR-364 ficou definido a liberação de recursos para as travessias urbanas, em toda a extensão, além da continuidade das obras de restauração.

Trataram de ações para pavimentação da rodovia 174 - sentido Vilhena/Juina, no Mato Grosso; restaurante e manutenção da BR-435 no Cone Sul e manutenção da BR-319 trecho Rondonia/sentido Manaus.

Comente esta Notícia