10 tipos de cânceres mais mortais existentes

10 tipos de cânceres mais mortais existentes

O câncer é um aumento incontrolável de células anormais no organismo. O corpo é formado por aproximadamente dez trilhões de células. As saudáveis se multiplicam para formar novas células. Quando o organismo não precisa mais delas, elas morrem.

A doença é causada por mutações no interior das células crescendo de uma maneira descontrolada. Mas esta “proliferação” é diferente de um crescimento celular normal. Ao invés de morrer, como as outras, elas continuam a crescer, formando novas células anormais. Assim, formando o tumor.

Existem dois tipos de tumores, malignos e benignos. Geralmente, os tumores são malignos, o que significa que podem espalhar ou invadir tecidos próximos. Uma vez que esses tumores crescem, algumas células, podem desprender-se e viajar para locais diferentes do corpo e, através do sangue ou sistema linfático, desenvolver novos tumores longe do tumor original. Isso também pode ser chamado de 'metástase'.

Por conta disso, vamos mostrar uma lista com os 10 tipos de cânceres mais mortais que existem. Vamos apresentar essas doenças, bem como suas principais causas, sintomas e tratamento. Confira!

Câncer de Bexiga – é um tumor que começa nas células que revestem a bexiga e, de acordo com essas células que sofrem alteração, ele pode ser classificado em três tipos: Carcinoma de células transicionais, carcinoma de células escamosas e adenocarcinoma.

Câncer de Próstata – é um tumor que ocorre na próstata e se localiza abaixo da bexiga, é mais comum em homens com mais de 50 anos de idade e, é o segundo câncer que causa mais mortes no Brasil.

Tumor Cerebral – são os crescimentos anormais de células da região cerebral e são classificados de acordo com a rapidez com que se desenvolvem. Podem crescer lentamente e não se espalhar pelo corpo, sendo eles classificados: benignos, como o glioma ou meningioma.

Câncer de Estômago – costuma se desenvolver lentamente e, é formado por células que se instalam no revestimento interno do órgão. A doença é chamada também de câncer gástrico.

Câncer de Fígado – pode ser dividido em duas categorias. A primeira é primário que se desenvolve a partir do próprio fígado e acontece com mais frequência. Os secundários, ou seja, o que são originários de outros órgãos e depois vão para o fígado costumam ocorrer com menos frequência. Leia mais >>

Câncer de Garganta ou Câncer de Laringe – acontece na maioria das vezes na região da cabeça e do pescoço. O tumor pode se instalar em três áreas da laringe, sendo elas: a supraglótica, o glote ou subglote. A maior parte dos casos (cerca de 2/3) acontece na glote, região das cordas vocais.

Câncer de Ovário – com maior índice de mortalidade no período de até 5 anos; pois na maior parte das vezes é descoberto em fase avançada. O ovário, a gameta feminino que está localizado na parte inferior do abdômen, possui um papel importantíssimo já que é a principal fonte de estrogênio e progesterona feminino.

Câncer de Pâncreas – na maioria dos casos de câncer de pâncreas começam nos dutos que transportam o suco pancreático; os tumores mais comuns são do tipo adenocarcinoma, cerca de 90% dos casos.

Câncer de Rim – é um câncer que atinge muitos adultos e se origina nos rins e pode se espalhar pelo corpo todo. O câncer de rim pode ser diagnosticado em 4 diferentes estágios, que variam conforme a extensão e malignidade do tumor.

Câncer de Colo do Útero – conhecido como câncer cervical, como também é conhecido, é uma doença que normalmente atinge mulheres acima dos 25 anos. Causado principalmente pelo papiloma vírus humano (HPV).