Após eleição, mais mentiras Por João Silvino

Após eleição, mais mentiras Por João Silvino

O que está errado neste país, não é ter ou não polícia nas ruas.

O erro mais grave é não termos justiça cumpridora das leis, contra quem mereça e contra criminosos, que hoje desfilam livremente com armas para assaltarem e matarem a quem eles quiserem. O que acontece de pior contra a população pagadora de impostos, deve-se culpar aos poderes constituídos, que nada de bom nos oferece.

Cada vez que ocorre um caso de violência em algum lugar inseguro, lá está o poder público mentindo para o povo, alegando que se trata de um fato isolado, e que o policiamento é diariamente ostensivo no local.

As desculpas são sempre as mesmas para diversos casos em todas as áreas. A verdade da violência enraizada em todos os bairros de todos os municípios é uma só; nada é feito para combater seus males.

Não somos idiotas. Os serviços que as prefeituras oferecem são de péssimo gosto e qualidade, mas o governo do Estado e o interino governo federal, a mesma coisa.

O povo é tão ludibriado, que nas eleições de prefeito e vereadores/2016, a crise entrou na moda em todos os discursos. Vieram os resultados e muitos eleitores sofreram mais uma vez o peso do golpe, por milhares de municípios: candidatos cassados pela justiça eleitoral também foram eleitos. Quem dá aval para essa gente?

Em troca de quê? Milhares de prefeituras sem dinheiro para pagar o funcionalismo público e cumprir com outras obrigações ordinárias. Obras superfaturadas e inacabadas, que não foram mostradas durante as campanhas, muita grana com propagandas, cabos eleitorais e festas entre amigos. Nós, povo e eleitores, pagaremos mais estas fanfarras. Continuaremos ouvindo mais mentiras e mais desculpas do poder público.

João Silvino – Síndico/Administrador – Santa Rosa/Guarujá/SP

Comente esta Notícia