Avião cai após decolar no México

Avião cai após decolar no México

Cidade do México – Um avião da Aeroméxico caiu nas imediações do aeroporto Guadalupe Victoriano, no estado de Durango, norte do México, nesta terça-feira, por volta das 16 horas (18 horas, pelo horário de Brasília), logo depois de decolar. A aeronave, fabricada pela Embraer, transportava 97 passageiros e quatro tripulantes, segundo a Secretaria de Transportes do México divulgou em sua página oficial do Twitter. O voo AM-2431 tinha como destino a Cidade do México.

O porta-voz da Secretaria de Saúde de Durango, Fernando Ros, disse que 80 pessoas das 101 a bordo – 97 passageiros e quatro tripulantes – ficaram feridas na queda. Do total, 30 foram internadas em hospitais próximos e 18 estão em situação crítica. Apesar de o governador de Durango, José Aispuro, ter descartado mortes no acidente, o secretário de Comunicações e Transportes do México, Gerardo Ruiz Esparza, disse a jornalistas que, por enquanto, apenas 52 pessoas foram resgatadas com vida no local do acidente.

Se confirma que no hubo fallecidos en el accidente del vuelo #AM2431. En estos momentos se encuentra parte del Gabinete, encabezado por la Coordinadora @RosarioCastroL, para atender a los lesionados y cooperar con las autoridades del aeropuerto en la atención de éste suceso.

A companhia aérea mexicana escreveu em um post, também no Twitter, que está ciente dos relatos de acidente em Durango e está buscando verificar a informação e obter detalhes. Segundo a agência de notícias AFP, por causa de uma tempestade de granizo, o avião não conseguiu decolar e foi obrigado a pousar a cerca de 10 km da pista.

As primeiras imagens do acidente, transmitidas pela televisão, mostraram a parte traseira do avião com o logo da Aeroméxico em uma vegetação e uma coluna de fumaça subindo ao ar. Um repórter da rede Milenio disse que alguns passageiros caminharam a uma rodovia próxima para pedir ajuda.