Briga entre prefeito e líder comunitário não tem acordo e processo segue na justiça

Briga entre prefeito e líder comunitário não tem acordo e processo segue na justiça

Porto Velho, RO - O desentendimento entre o prefeito Eduardo Toshiba Tsuru (PV) popular “Japonês” e o líder comunitário Ivan Bezerra de França, popular “Ceará do Assosset”, está longe de acabar.

A briga entre os “amigos” começou bem antes da campanha política quando Eduardo negociou um carro com Ceará a prestação.

O líder comunitário falou a reportagem do Extra de Rondônia, que na ocasião prestava serviço para o empresário Eduardo Japonês e que comprou um veículo Fiat Uno em 18 parcelas de R$ 1 mil reais, pagou cerca de 17 parcelas, mas quando foi transferir o carro havia problemas com a documentação e não conseguiu passar o veículo para seu nome, aí que começou a desavença entre eles.

Com isso, o caso foi parar justiça, Eduardo Japonês o executou, ou seja, colocou em cobrança judicial notas promissórias assinadas por Ceará, que por não ter transferido o carro para seu nome, contestou.

Por volta das 17h20, desta terça-feira, 5, os “amigos” se encontram no Forúm Desembargador Leal Fagundes, para a  primeira audiência de conciliação.

Entretanto, o prefeito não quis dar nenhuma declaração, mas seu advogado Roberto Maílho se ateve apenas em dizer que para encerrar o processo basta que Ceará pague o que deve a Japones.

Contudo, palavras estas contestada por Ceará, que acompanhado de sua advogada Neide Cristina Rizzi, declarou que teve prejuízo no negócio e tem valores a serem ressarcidos. Com isso, segundo Ceará, a disputa judicial segue e uma nova audiência deverá ser marcada para o segundo semestre de 2019.