Confira pesquisa onde aponta lideranças para Deputado Federal e Assembléia Legislativa de Rondônia

Confira pesquisa onde aponta lideranças para Deputado Federal e Assembléia Legislativa de Rondônia

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA
SUCESSÃO – CÂMARA FEDERAL
SONDAGEM ESPONTÂNEA – QUANTITATIVA

ITEM 02 – PARA DEPUTADO FEDERAL, EM QUEM VOCÊ VAI VOTAR?

ALTERNATIVAS

PART

AM

%

IVD

REGIÃO

LEO MORAES

PTB

77

5,33

7,9

PORTO VELHO

MAURO NAZIF

PSB

61

4,22

6,3

PORTO VELHO

LUIZ CLAUDIO

PR

54

3,74

5,5

ZONA DA MATA

SILVIA CRSTINA

PDT

49

3,39

5,0

REGIÃO CENTRAL

EVANDRO PADOVANI

PSL

40

2,77

4,1

CONE SUL

JAQUELINE CASSOL

PP

37

2,56

3,8

ZONA DA MATA

MARIANA CARVALHO

PSDB

37

2,56

3,8

POTRO VELHO

AGNALDO NEPOMUCENO

MDB

35

2,42

3,6

PORTO VELHO

MELKI DONADON

PDT

35

2,42

3,6

CONE SUL

PIMENTA DE RONDÔNIA

PSOL

35

2,42

3,6

PORTO VELHO

NILTON CAPIXABA

PTB

33

2,29

3,4

QUAD. DO CAFÉ

LINCOLN ASTRE

PP

32

2,22

3,3

REGIÃO CENTRAL

MARCOS ROGÉRIO

DEM

29

2,01

3,0

REGIÃO CENTRAL

CRISTIANE LOPES

PP

29

2,01

3,0

PORTO VELHO

EXPEDITO NETO

PSD

27

1,87

2,8

ZONA DA MATA

ROSARIA HELENA

PROS

24

1,66

2,5

OURO PRETO

MARINHA RAUPP

MDB

21

1,45

2,2

ZONA DA MATA

FLÁVIO LEMOS

PV

19

1,32

2,0

PORTO VELHO

LUCAS FOLADOR

DEM

18

1,25

1,9

ARIQUEMES

JOÃO GONÇALVES

PSDB

18

1,25

1,9

JARÚ

TIZIL DA HONDA

SOLID

17

1,18

1,7

ZONA DA PROD.

LINDOMAR GARÇON

PRB

17

1,18

1,7

PORTO VELHO

EDVALDO SOARES

PSC

15

1,04

1,5

PORTO VELHO

CEL. MARCOS ROCHA

PSL

13

0,90

1,3

PORTO VELHO

LUCIO MOSQUINI

MDB

12

0,83

1,2

BACIA LEITEIRA

ANCELMO DE JESUS

PT

11

0,76

1,1

OURO PRETO

JEAN MENDONÇA

PDT

11

0,76

1,1

QUAD. DO CAFÉ

AMIR LANDO

PSB

10

0,69

1,0

PORTO VELHO

OUTROS

-

159

11,02

16,2

-

NENHUM

-

151

10,46

0

-

NÃO SABE

-

318

22,02

100%

-

TOTAL

-

1444

100%

-

AMOSTRAS: (1444 ENTREVISTAS)

MARGEM DE ERRO: 2,83%

ESTATÍSTICO RESPONSÁVEL: AUGUSTO DA SILVA ROCHA CONRE Nº 7655-A

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

SONDAGEM ESPONTÂNEA – QUANTITATIVA / SUCESSÃO – ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

 

ITEM 01 – EM QUEM VOCÊ VAI VOTAR PARA DEPUTADO ESTADUAL NA PRÓXIMA ELEIÇÃO?

NOMINATA

PARTIDO

AM

%

IVD

ADELINO FOLADOR

DEM

59

4,09

6,2

AELCIO DA TV

PP

54

3,74

5,6

JEAN OLIVEIRA

MDB

47

3,25

4,9

CLEYTON ROQUE

PSB

47

3,25

4,9

LUIZINHO GOEBEL

PV

38

2,63

4,0

LEBRÃO

MDB

38

2,63

4,0

JAIR MONTES

PTC

34

2,35

3,5

LUIZ FERRARI

PR

31

2,15

3,2

ZEQUINHA ARAÚJO

MDB

24

1,66

2,5

EZEQUIEL NEIVA

PTB

21

1,45

2,2

LAZINHO DA FETAGRO

PT

18

1,25

1,9

ALAN QUEIROZ

PSDB

15

1,04

1,6

MARCELINO TENÓRIO

PRP

12

0,83

1,3

CHAGAS NETO

PSB

12

0,83

1,3

EVERALDO FOGAÇA

PTC

10

0,69

1,1

SAULO MOREIRA

MDB

10

0,69

1,1

ARI SARAIVA

PSB

10

0,69

1,1

CARLA SHARK (Trento)

PSDB

09

0,62

1,0

MARINHO DA CAERD

PV

09

0,62

1,0

JUCELINO AMARAL

PR

09

0,62

1,0

JOÃO DURVAL

PP

09

0,62

1,0

VALDIR 3ª IDADE

DEM

09

0,62

1,0

AIRTON GURGACZ

PDT

08

0,55

0,9

CASSIA MOLETA

PODE

08

0,55

0,9

FÁTIMA GAVIOLI

PSB

08

0,55

0,9

IVONETE GOMES

PSD

08

0,55

0,9

HELTON BURITI

PSB

08

0,55

0,9

LAERTE GOMES

PSDB

08

0,55

0,9

LUIZ GOMES

PATR

08

0,55

0,9

MARCOS SUCÃO

PSL

08

0,55

0,9

WILLIAN PIMENTEL

MDB

08

0,55

0,9

CARLINHO CAMURÇA

PR

07

0,49

0,7

DR. KLEIN

PSDB

07

0,49

0,7

EDSON MARTINS

MDB

07

0,49

0,7

FURIA

PSD

07

0,49

0,7

JURANDIR OLIVEIRA            

PATR

07

0,49

0,7

IRMA FOGAÇA

PSC

07

0,49

0,7

MARCELO CRUZ

PTB

07

0,49

0,7

MAURICIO CARVALHO

PSDB

07

0,49

0,7

RIBAMAR ARAÚJO

PR

07

0,49

0,7

ROBERTO SOBRINHO

PT

07

0,49

0,7

SÓ NA BENÇA

MDB

07

0,49

0,7

ALEX REDANO

PRB

06

0,42

0,6

ANA NEGREIROS

PDT

06

0,42

0,6

JOAQUIM TEIXEIRA

PMB

06

0,42

0,6

JESUINO BOABAID

PMN

06

0,42

0,6

LOURDINHA

PT

06

0,42

0,6

DR. NEYDSON

PMN

06

0,42

0,6

ROSANGELA DONADON

PDT

06

0,42

0,6

SID ORLEANS

PTdoB

06

0,42

0,6

OUTROS

-

236

16,33

24,0

NENHUM

-

215

14,88

0

NÃO SABE

-

271

18,77

0

TOTAL

-

1444

100%

100%/ 958 AM








































































































































AMOSTRAS: 1444 ENTREVISTAS / PERÍODO: 10 A 14/06/2018 - REG. TRE Nº RO-08315/2018

MARGEM DE ERRO: + OU – 2,83% / ESTATÍSTICO RESPONSÁVEL: AUGUSTO DA SILVA ROCHA CONRE Nº 7655-A

CONTRATANTE: JR SERVICÇOS DE EDIÇÃO DE JORNAL RONDÔNIA LTDA 07.476.074/0001-48

ANÁLISE TÉCNICA

Numa análise criteriosa dos dados finais da  5ª pesquisa do instituto Phoenix já visualizamos o quanto possa fragmentar na divisão das (24) cadeiras da Assembleia. Mesmo que se mantenha a tendência do momento, onde quase metade dos Deputados ocupam posições de destaque, na liderança dos (30) primeiros colocados, isto por sí só não é suficiente para garantir a permanência de todos eles no páreo das (24) limitadas cadeiras. Já que se alargam as tendências a novas lideranças, fortalecendo até partidos novos e nanicos, embora sua minúscula estrutura orçamentária.

            Por certo significa dizer que a renovação possa ser substancial, mesmo considerando que as ações do legislativo nestes (04) anos foram bem positivas. Avaliando o quadro pelos números relativos da sondagem, vimos que entre os (60) nomes que pontuam acima de 0,5% dos votos válidos, podemos ver que as grandes siglas ainda tem o domínio da situação; 9 destes nomes são afiliados ao MDB; (06) ao PSB; (04) no PSDB; (04) no PR; (03) no PP; (03) PT; (03) no PODEMOS; (02) no DEM; (02) no PRB; o PV, PTC, PDT e PTB contartam com (01) cada um, e, outros partidos menores estariam com (10) indicações.

            Certamente que esta avaliação teria um efeito direto dentro das composições que haverão de serem feitas até as convenções partidárias. Diante deste quadro, respeitando as oscilações que em comum ocorrem por conta do coeficiente eleitoral, arriscaríamos um palpite: O PMDB ficaria com (05) cadeiras, o PP e PR juntos fariam (04), o PSB (03), PSDB (02), PDT, PV, PTC, PSD, PRB, PODEMOS e DEM fariam por certo (01) cada e as outras (03) cadeiras ficariam com as demais pequenas coligações. Nesta sondagem o Phoenix ouviu (1444) eleitores de ambos os sexos. Em (18) dos maiores municípios do Estado. A margem de erro deste trabalho é de 2,83% para mais ou para menos. O Instituto Phoenix fará o acompanhamento mês a mês, mostrando as variações das tendências com a finalidade de colaborar com o dinamismo do pleito, deixando o eleitor melhor informado.

            Até o mês de outubro, data em que:

 

Quem puder mais vai chorar menos!

 

Até lá...