Corpo de Idair dos Reis é encontrado em mata próximo a represa onde foi localizado as duas irmãs

Corpo de Idair dos Reis é encontrado em mata próximo a represa onde foi localizado as duas irmãs

Equipes de busca encontraram na manhã desta terça-feira o corpo de Idair dos Reis Maria, principal suspeito de ter matado a ex-amante Selma Alves e de ter torturado as duas filhas da mulher, irmãs de 5 e 7 anos. O homem foi localizado a cerca de 700 metros da represa onde ele havia deixado as meninas nuas e queimadas.

Ao lado do corpo, que já estava em avançado estado de decomposição, havia um revolver e o homem aparentemente cometeu suicídio.

De acordo com delegado Arismar de Araújo, diretor do Departamento de Polícia do Interior, o corpo sofreu a ação de animais da mata. Estava sem um olho e parte do pênis cortado. "Ao que tudo indica ele morreu há mais de 48 horas", afirmou.

Idair dos Reis Maria foi denunciado pela ex-amante de estupro e estava com prisão decretada. No final de semana ele pegou a mulher em casa e sumiu com ela. Depois, voltou e levou as meninas, as espancou e ateou fogo nelas, amarrando-as nuas em uma represa. O carro dele foi encontrado nas proximidades. Na segunda-feira o corpo de Selva Alves foi encontrado.