Corpo de motorista de aplicativo é velado em funerária da capital

Corpo de motorista de aplicativo é velado em funerária da capital

Porto Velho, RO - O velório do motorista de aplicativo Edileno Santos Silva, 34, está sendo velado nesta quinta-feira (13) em uma funerária na Avenida 7 de Setembro com Rua João Goulart, região Central de Porto Velho.

Edileno morreu na manhã de ontem (12) após ficar quase uma semana internado em um hospital particular. O trabalhador foi baleado na nuca durante assalto na noite da última quinta-feira (06) na Rua Baobá, bairro Castanheira, zona Sul de Porto Velho. 

A vítima teria sido chamada para fazer uma corrida para dois homens e uma mulher e teria reagido um assalto. O homem acabou alvejado, foi socorrido pelo Samu, mas morreu em um hospital particular da capital após quase uma semana na UTI. 
No outro dia, o suspeito do crime Edir Carlos F. S., 23, foi preso em uma casa na mesma região. A polícia procura pelo casal envolvido no crime.