Delator e delatado se encontram e trocam caras feias na PF

Delator e delatado se encontram e trocam caras feias na PF

Brasília, DF - Para azar de ambos, o ex-ministro Antonio Carlos Rodrigues e Joesley Batista se encontram ontem na Superintendência da Polícia Federal em Brasília.

O empresário, que entregou a cabeça do político em sua delação, foi à capital para prestar comparecer à CPI da JBS. Entrou mudo e saiu calado.

Já Rodrigues estava foragido desde a semana passada e havia acabado de se entregar. Ele acabou na cadeia justamente porque Joesley relatou pagamento de propina para o ex-ministro e ao ex-governador Anthony Garotinho.

Ao se verem numa sala da PF, nenhum dos dois disfarçou o constrangimento. Além de não se cumprimentarem, delator e delatado trocaram caras feias e olhares de desprezo. Sem maiores incidentes.

Passada a cena desagradável, a dupla tomará o rumo de seus endereços definitivos nas próximas horas.

Rodrigues será transportado hoje à noite em avião de carreira, com escolta da PF, para o Rio de Janeiro, onde ficará preso.

Joesley embarcará entre hoje e amanhã de volta à Superintendência da PF em São Paulo, sua morada desde setembro.