Em duas noites Plantão Corujão fez quase duzentos atendimentos

Em duas noites Plantão Corujão fez quase duzentos atendimentos

Porto Velho, RO - Apesar de somar quase duzentos atendimentos no Plantão Corujão nas duas primeiras noites de funcionamento, a expectativa é que a procura aumente, segundo a direção da Unidade Básica de Saúde da Família Castanheira, vez que muita gente ainda não sabe que a UBS está com o atendimento noturno.

A Unidade Castanheira é a segunda a implantar o plantão Corujão, que já funciona no posto Maurício Bustani. A equipe é formada por três médicos clínicos gerais, dois odontólogos, enfermeira e técnico de enfermagem. São vinte senhas de atendimento para cada clínico e oito para cada um dos odontólogos.

Já nas noites de terça e quarta-feira, o número de médicos aumenta para quatro clínicos. A UBS foi inaugurada no último dia 15 e nas duas primeiras noites de corujão já foram aproximadamente duzentos atendimentos. A maioria de consultas para pegar ou trocar receitas, atendimento de enfermagem com realização de teste rápido e pré-natal e vacinação de crianças.

Durante o Corujão estão sendo oferecidos os serviços de consulta ambulatorial, atendimento odontológico, imunização e farmácia. “Quanto à confecção do cartão do SUS e o agendamento para as consultas especializadas são serviços que ainda não estão disponíveis mas que serão implantados já no início de 2018, para que o corujão daqui funcione em sua totalidade”, esclareceu a diretora da unidade Simone Gonzaga.

No posto Maurício Bustani, onde foi implantado em julho o Plantão Corujão, já foram registrados quase sete mil atendimentos. Os atendimentos são voltados para pessoas que não tem tempo de ir a consulta médica durante o dia. Os serviços estão disponíveis de segunda a sexta feira e acontecem por ordem de chegada a partir das 19 h.