Jovem que atingiu facadas em Valdemiro Santiago disse na polícia que foi ameaçado ser crucificado por pastor

Jovem que atingiu facadas  em Valdemiro Santiago disse na polícia que foi ameaçado ser crucificado por pastor

São Paulo, SP  - Um vídeo postado pelo pastor Wallace Martins, da Igreja Mundial do Poder de Deus, mostra o momento em que outro pastor, Valdemiro Santiago, é socorrido após ter levado uma facada no pescoço durante um culto no templo do Brás, região central de São Paulo.

“Que é isso?”, diz Martins, após interromper a pregação e se virar para trás para ver Valdemiro sendo retirado por quatro homens da igreja. “Meu Deus… Meu Deus.. Cadê os seguranças aí, né?’, afirma Martins.

Assim que Valdemiro é retirado, Martins retoma a pregação. “É gente, isso é o poder de Deus”.

O ataque ocorreu por volta das 8h deste domingo. O agressor foi o ajudante-geral Jonathan Gomes Higino, de 20 anos, que estava na fila para receber as bênçãos do pastor. Ao chegar perto, atacou-o com três golpes, atingindo pescoço e costas com uma faca de 35 centímetros.

O próprio Valdemiro, que é o principal líder da igreja, gravou um vídeo nas redes sociais, direto do hospital, falando sobre o ocorrido.

O pastor foi hospitalizado e passou por cirurgia. Ele levou 25 pontos e não corre risco de vida. O homem que o atacou foi preso em flagrante, segundo informações do 8º Distrito Policial (Brás), com um facão. Sua identidade não foi revelada.

Agora, irá responder por tentativa de homicídio. “Eu estava impondo as mãos, acabando de ouvir um milagre, um testemunho, e entrou alguém por trás, não sei, não vi quem era, e deu uma facada no pescoço, ou uma navalha, não sei”, explicou o pastor em vídeo. O apóstolo afirmou que voltará a pregar. “Orem por mim”, pediu Valdemiro. “Eu perdoo a pessoa que fez isso.”

Preso em flagrante neste domingo (8) em São Paulo depois de esfaquear o pastor Valdemiro Santiago - líder da Igreja Mundial do Poder de Deus - o ajudante geral Jonathan Gomes Higino, de 20 anos, afirmou em depoimento ao 8º Distrito Policial (Brás) que foi provocado pelo ministro durante um culto em julho de 2015. “Vamos crucificar ele”, teria lhe dito o apóstolo na ocasião. A informação foi divulgada pelo site da revista "Veja".

Ainda de acordo com a publicação, Higino disse, na delegacia, que conseguiu a arma usada no crime - uma faca de 35 centímetros - há cerca de duas semanas, no quintal de uma residência em Santana de Parnaíba, em São Paulo. O homem vai responder por tentativa de homicídio depois de atacar o pastor com três golpes.

Santiago passou por cirurgia e não corre risco de morrer. Ele levou cerca de 20 pontos, e do hospital, tranquilizou os fiéis.

CONFIRA VÍDEO: 


QUEM É PASTOR VALDEMIRO SANTIGO

Um dos pastores mais conhecidos do Brasil, Valdemiro Santiago de Oliveira, 53 anos,esfaqueado durante um culto neste domingo (8), chegou a ser expulso da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), após desentendimentos com a liderança da igreja, em 1998. Dias depois, fundou a Igreja Mundial do Poder de Deus, na cidade de Sorocaba, em São Paulo.

Atualmente, a igreja possui 5 mil  templos espalhados no Brasil. Em 2013, a Revista Forbes avaliou sua fortuna em cerca de U$$ 220 milhões de dólares. 

Natural de Cisneiros, distrito de Palma, Zona da Mata de Minas Gerais, Pastor Veldemiro é casado, tem duas filhas e, além de milhões de reais, alguns escândalos na conta.

Sem formação em curso de teologia, Santiago foi consagrado apóstolo em 2006, pelo bispo Josivaldo Batista. Atuou por 18 anos como membro da cúpula da Universal até virar arqui-inimigo de Edir Macedo, com quem disputou fiés ao longo dos anos.  

Em agosto de 2008, o pastor e sua igreja ganharam notoriedade na imprensa televisiva após fazerem a parceria com o Grupo Bandeirantes, para pregarem no canal 21 por 22 horas e outras 2 horas produzidas.  

Pastor Valdemiro foi esfaqueado durante culto neste domingo (8)
(Foto: Reprodução)

Polêmicas

Em 2003, o chefe da Igreja Mundial foi condenado a pagar cestas básicas por porte ilegal de armas. Também foi flagrado em uma blitz com uma escopeta, duas carabinas e munição. 

Em 2010, três de seus pastores foram presos em Mato Grosso do Sul transportando sete fuzis M-15. Em depoimento à polícia, o motorista afirmou que o destino das armas era a cidade de Niterói, no Rio de Janeiro. Na época, Veldemiro não se pronunciou sobre o assunto.

Em 2012, o apóstolo rebateu as acusações de Edir Macedo, nas quais o líder da Igreja Universal dizia, na programação da Rede Record, que em entrevista com "o demônio", este confessou que teria se instalado na igreja Mundial para realizar as "curas" atribuídas a Veldemiro. 

Na época, em seu programa, no Canal 21, Santiago rebateu que o “câncer” de Macedo era obra do demônio. Na tréplica, Edir Macedo levou uma médica à TV, que atestou que o dono da Rede Record não sofria da doença. A emissora, exibiu, no mesmo dia, uma reportagem sobre a compra de três fazendas avaliadas em R$ 50 milhões em nome do pastor Santiago.

Em reportagem de 2013, a Revista Fórum denunciou que o pastor pedia aos fiéis que fingissem ser "enfermos curados" para comprar a MTV. No documento, divulgado pela revista, havia um espaço em branco, que deveria ser preenchido pelo bispo de casa sede da Igreja Mundial. O canal 32, que na época pertencia ao Grupo Abril, tinha a venda avaliada em R$ 500 milhões.

Comente esta Notícia