Motorista do Uber é assaltado e mantido amarrado dentro de carro por mais de 2h, em Porto Velho

Motorista do Uber é assaltado e mantido amarrado dentro de carro por mais de 2h, em Porto Velho

Um jovem de 23 anos, que trabalha como motorista do aplicativo Uber, foi assaltado por três ladrões e mantido amarrado por mais de duas horas dentro do próprio veículo, na noite da última quarta-feira (6), em Porto Velho.

Segundo a Polícia Militar (PM), os falsos passageiros chamaram o rapaz pelo aplicativo Uber na região central da capital. Aos policiais, a vítima contou que os criminosos contrataram corrida sentido ao shopping e, no meio do caminho, sacaram duas armas e anunciaram o roubo.

Em seguida mandaram o motorista seguir para o banco traseiro do veículo, onde foi encapuzado com uma camisa e amarrado com cadarços de tênis.

Depois de roubar aparelhos eletrônicos, documentos, dinheiro e vários outros pertences da vítima, os criminosos o abandonaram na Rua Capararí, no Bairro Lagoa.

A vítima ficou presa pelo cinto de segurança, com punhos e pernas amarrados com cadarços, e com uma camisa na cabeça, feito capuz, no banco traseiro do veículo, quando, casualmente, foi localizado pela PM.

Nenhum dos suspeitos foi preso ou identificado. O caso segue sob investigação da Polícia Civil.