Mulher deposita dinheiro para estelionatário que afirmou ter sequestrado sua filha

Na tarde de quarta-feira, 11, uma mulher de 56 anos procurou a delegacia de Vilhena para denunciar que havia sido vítima de extorsão, por parte de uma pessoa que ligou anonimamente no telefone de seu esposo, afirmando ter sequestrado a filha do casal.

Segundo o registro da ocorrência, o estelionatário afirmou  que para não matar a jovem, a vítima teria que depositar o valor de R$ 3 mil em uma conta que o mesmo informaria. Após alegar que não tinha a referida quantia, a mulher foi questionada pelo criminoso de quanto tinha em mãos e afirmou ter apenas R$ 200,00.

Neste momento, a pessoa do outro lado da linha aceitou a quantia e lhe enviou o número de uma contra em nome de Eliana Maria Valentin Ribeiro, para que esta efetuasse o depósito e rasgasse o comprovante logo em seguida, pois só assim, sua filha seria liberta.

Ainda segundo a vítima, após ter obedecido todas as exigências feitas pelo suposto sequestrador, sendo uma destas, não desligar o telefone, a ligação foi encerrada por ele e esta conseguiu entrar em contato com a filha, que afirmou estar bem e não ter sido vítima de sequestro.