Segundo júri do caso Chico Pernambuco inicia em Porto Velho

Segundo júri do caso Chico Pernambuco inicia em Porto Velho

egunda sessão do julgamento dos acusados de envolvimento na morte do ex-prefeito de Candeias, Chico Pernambuco, iniciou na manhã desta terça-feira (19), no 1º Tribunal do Júri de Porto Velho. Nesta etapa serão julgados três dos sete suspeitos.

No primeiro júri popular, realizado nos dias 5 e 6 de março, três réus foram condenados a mais de 14 anos de prisão em regime inicial fechado, cada.

Nesta segunda sessão, de acordo com o Tribunal de Justiça de Rondônia (TJ-RO), os réus Marcos Ventura Brito, Henrique Ribeiro de Oliveira e Diego Nagata Conceição serão julgados por participarem da articulação do crime, não da execução.

Doze testemunhas podem ser ouvidas nesta terça-feira e, segundo o TJ-RO, é provável que o julgamento se estenda até a quarta-feira (20).

Katsumi Yuji Ikenohuchi Lema, suspeito de ser o mandante do crime, continua foragido da Justiça.

1º julgamento

O primeiro julgamento do caso, realizado nos dias 5 e 6 de março deste, nove testemunhas foram ouvidas e três réus interrogados.

Talisso Souza de Oliveira, Wellyson da Silva Vieira e Willian Costa Ferreira foram condenados a mais de 14 anos anos de prisão em regime inicial fechado, cada.