Treinamento para eletricistas amplia segurança e fortalece técnicas

Treinamento para eletricistas amplia segurança e fortalece técnicas

Porto Velho, RO - Eletricistas da Empresa de Desenvolvimento Urbano (Emdur) participaram de um curso de aprimoramento profissional. Ao entregar os certificados, na segunda-feira (2), o prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, apontou como benefícios decorrentes do treinamento a segurança no trabalho e o reforço na qualificação técnica.

“Teremos um salto extraordinário na qualidade técnica nas equipes de eletricistas, benefícios diretos no cumprimento do trabalho rotineiro da Emdur, que é cuidar da iluminação pública da cidade”, destacou o prefeito.

O curso foi ministrado pelos engenheiros Gabriela Castro e Daniel Brasil, da Emdur, para atender necessidades do cotidiano dos trabalhadores, além de reforçar os protocolos de segurança.

Segundo o presidente da Emdur, Gustavo Beltrame, além de aprimorar a técnica, o curso vai proporcionar mais qualidade e agilidade nos serviços. “Também é importante a segurança dos nossos profissionais, por isso, trouxemos também os cursos de NR-10 e NR-35, que são normas de segurança do trabalho, sendo que esta última trata da segurança dos eletricistas nas alturas”, frisou.

Gustavo Beltrame, presidente da Emdur

Gustavo Beltrame, presidente da Emdur

“Quedas por falta de segurança no trabalho em altura estão entre as principais causas de morte de trabalhadores da construção civil. A NR-35 instrui para diminuir estas ocorrências”, explicou Gustavo Beltrame.

O primeiro a receber o certificado das mãos do prefeito foi Sebastião Carlos. Ele disse que a qualificação é um fator que contribui para que o trabalho rotineiro seja aperfeiçoado, mas também apresenta a vantagem de poder rememorar técnicas já estudadas. “Vamos trabalhar com mais segurança”, afirmou.

APRENDIZADO

O curso aconteceu de 19 a 29 de julho e deve ser ministrado novamente a cada dois anos.

O conteúdo inclui técnicas na área de iluminação pública, como troca e instalação de luminárias, construção, manutenção e implantação de redes elétricas.

Os trabalhadores ainda tiveram aulas sobre uso correto dos equipamentos de proteção individual (EPI), acessórios e sistemas de ancoragem, equipe de emergência, desenvolvimento de planejamento, organização e execução das atividades.